Esta versão do Firefox tem vários melhoramentos em termos de gestão da memória do próprio Firefox e ainda mais importante dos addons que são parte importante da personalização, que é uma vantagem do Firefox, e que em muitos casos fazem uma má gestão do uso de memória.

A Mozilla pensa ter dado um grande passo na resolução deste problema que já se arrastava à muito tempo e que significava muitas queixas do utilizadores.

Outras novidades são: o Debugger de JavaScript integrado, vários melhoramentos que permitem o desenvolvimento de jogos e animações mais fluidas e estáveis usando o motor de JavaScript e WebGL e melhoramentos ao nível de HTML5.

Mais informações no Blog do Firefox (http://blog.mozilla.org/blog/2012/08/28/firefox-now-uses-less-memory-to-make-browsing-faster/).